Diariamente

Imagem

 Olá, esta imagem foi feita durante um curso que estou fazendo no Atelier Livre de Porto Alegre. Se chama “Diariamente”, e se propõe a despertar em nós a sensibilidade daquilo que diariamente nos cerca e que num primeiro olhar pode ser trivial, mas que num conjunto ou num contexto pode fazer todo sentido. Estou adorando as aulas, a mim parecem mais como uma terapia, estive longe das artes e percebi o quanto isto me fazia falta. Utilizamos técnicas diversas, esta da foto foi nanquim em papel seco, depois molhado, e tb um experimento interessante de desenhar com uma gota de tinta que vamos deixando escorrer pelo papel, aí entra  o acaso, interferindo em nossos planos…Muito bom!

Professor

 

“A tarefa do professor: mostrar a frutinha. Comê-la diante dos olhos dos alunos. Provocar a fome. Erotizar os olhos. Fazê-los babar de desejo. Acordar a inteligência adormecida. Aí a cabeça fica grávida: engorda com ideias. E quando a cabeça engravida não há nada que segure o corpo.”

Rubem Alves

Toalha ambulante

Olá! Quero compartilhar com vocês um projeto inspirador que participei no fim de março no Atelier Livre Municipal. A proposta é bordar uma toalha de mesa gigante que já passou por vários lugares, e não tem pré requisito, todos podem bordar sem ter conhecimento específico. A toalha vai sendo construída enquanto as pessoas compartilham suas vidas, contando histórias, ouvindo…

Não tem certo nem errado e as memórias vão se formando no tecido: cores, linhas, texturas, manchas, bainhas, desfiados, tudo colabora, acrescenta. Este trabalho é realizado uma vez por mês numa praça ao lado do Atelier, sob a coordenação da professora Ana Flávia. O evento passado foi dentro do Atelier, mas estou ansiosa por esta interação ao ar livre!

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem